Museu projetado por Richard Meier em Roma pode mudar de lugar

by

Via AFP
Ara Pacis

Fachada principal do Museu Ara Pacis. Imagem: Pushpullbar

O novo prefeito de Roma, o ex-neofascista Gianni Alemanno, anunciou nesta quarta-feira que vai trocar de lugar (?!?!) o museu projetado pelo arquiteto americano Richard Meier, situado no coração do centro histórico de Roma, construído no mandato do prefeito esquerdista Walter Veltroni. O museu foi inaugurado em 2006.

Imagem internaA nova construção, que gerou fortes críticas por parte da direita (e também de alguns arquitetos pela falta de integração com o entorno), foi concebido sobre o “altar da paz” [Ara Pacis] concebido pelo imperador César Augusto próximo do rio Tibre no ano 13 a.C e consagrado em 30 de janeiro de 9 a.C. O altar, um pequeno templo de mármore banco construído para homenagear a paz alcançada pelo imperador Augusto com os gauleses e Espanhóis, foi coberto por uma obra típica de Richard Meier (foto).

Anunciou Alemanno durante a sua primeira entrevista à imprensa:

“É preciso tirar dali o museu de Meier. Não está entre nossas prioridades, mas nos comprometemos a revisar as intervenções feitas no centro histórico”

Trata-se da primeira grande obra de arquitetura contemporânea realizada no centro histórico da cidade após o fim da Segunda Guerra Mundial e sua construção gerou numerosas polêmicas.

Arapacis_vaticano
Proximidade da Catedral de São Pedro e o Ara Pacis. Imagem: Google Earth (Clique para ampliar)

Na inauguração, em abril de 2006, Alemanno havia denunciado “a arrogância dos intelectuais de esquerda para com os cidadãos” por terem permitido a construção de uma estrutura moderna sem ter consultado a população. Alemanno declarou também que o museu deverá ser transferido para um bairro periférico.

  • Veja reportagem sobre o Museu Ara Pacis no New York Times, que julgou o trabalho de Meier como uma “falha” e “grande decepção” clicando aqui.

Tags: , , , , , ,

Anúncios

Tags: , , , , ,

6 Respostas to “Museu projetado por Richard Meier em Roma pode mudar de lugar”

  1. Prof. Arq. Juliano Vasconcellos Says:

    Deixei para comentar a notícia nos comentários! 🙂

    Como assim MUDAR DE LUGAR? Um museu inteiro como se fosse um abajur de uma sala? Tá certo que o projeto do RM tem cara de projeto do RM, ou seja, nunca teria algo que o tornasse um objeto contextualizado. Quem contratou o projeto, já deveria saber disso! Depois reclamam do que acontece no Brasil em termos de arquitetura e patrimônio!

  2. Jorge Luís Stocker Jr. Says:

    Quanto ao projeto, acho bem lamentável ao que ele reduziu o altar da paz. Parece um objeto qualquer de exposição temporária.

    Mas claro que é totalmente besta essa mentalidade de “transferir” obras arquitetônicas, como se elas fossem simples objetos.O prédio certamente perde todo sentido sendo reconstruído…

  3. Guilherme Osterkamp Says:

    simples.

  4. Profª. Arq. Ana Carolina Says:

    Discordo que o museu de Meier tenha prejudicado a cidade ou o monumento Ara Pacis. Roma é uma colagem de diferentes tempos, de distintas arquiteturas. Hipocrisia querer suprimir a contemporaneidade deste processo. Sem dúvida as novas intervenções no Centro Histórico devem ser controladas, mas a verdade é que o atual invólucro do Ara Pacis é bem melhor que o anterior. A propósito, se fosse para ser coerente com o discurso do preservacionismo e não-intervenção no casco histórico, o Ara Pacis deveria estar até hoje em caquinhos, enterrados pelo Campo de Marte romano.

  5. Marcio Zanella Says:

    Visitei Roma e o Museu Ara Pacis. Concordo com a opinião da Arq. Ana Carolina. Acho radical demais essa atitude de transplantar a obra arquitetônica. Discordo do pensamento de que a obra não é contextualizadora. É no dialogo do contemporâneo com o histórico que se estabelece essa relação. Roma carece de emergências contemporâneas, ou ficará a mercê do historicismo monótono que congela a paisagem.

  6. Marcílio Avelino Says:

    Seria simples se não fosse concreto…
    Concordo que em relação ao entorno não tem uma leitura e se tem é muito sutil e não se percebe-se…
    Porem não deixa de ser um belo exemplar…
    que valoriza bem o Ara Pacis a intenção é bem clara…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: